Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Uma página em branco

Uma página em branco

30
Jun17

Ah pois é - página 9

Miss Winter

Ah pois é que o frio voltou... Passamos de temperaturas de 40º para 15º

 

Primeiro voltou o cobertor para a cama, uma blusa, um casaco, as botas... mas sabem que mais eu bem contente que estou já me estava a passar com tanto calor. Assim, esta semana não precisei de regar e assim ter mais tempo para o meu filho.

 

Hoje o meu pequeno foi ter comigo à minha cama estava tão gelado tadinho lá o enrosquei a mim para se aquecer, e é porque já lhe vesti de novo pijama de manga e calça mas ele passa a noite praticamente destapado.

 

ef244b9901dbf0dfd8f05e055d1bf768--yo-funny-things.

 

27
Jun17

Posso para no tempo? - Página 8

Miss Winter

img_7377.jpg

Lá fora continua tudo igual, olho pela janela, as mesmas árvores, as mesmas plantas, pessoas... paisagens... aqui posso dizer que parou.

 

Mas dentro destas paredes há um pequeno anjo que está a crescer, às vezes fico assustada porque penso que ainda é o meu bebé que precisa de mim para tudo e como amo esses momentos em tantos dias que são apenas esses que estou contigo... porque a vida dos adultos é complicada, é preciso fazer uma grande ginástica para fazermos tudo (ou quase tudo).

 

Um destes dias vinhas da casa de banho e disseste à mãe todo contente:

- mãe já fiz xixi

- não me chamaste

- chamei mas não vieste

- dá cá um abraço estás tão crescido meu homem grande...

 

Hoje levantou-se estava a tomar banho, foi ter comigo, lá fez o seu xixi e ficou ali à espera que eu saisse para o limpar (sim tenho um filho que gosta de tudo limpo eheheh). Um dia contou-me todo indignado que quando o pai ia com ele não o limpava :) este puto é fantástico...

 

Como tenho visto o tempo a correr tão rápido, ontem depois de jantar em vez de ir arrumar a cozinha, fiz batota com ele:

- Olha a mãe vai ficar aqui deitada

- Mãe espera, não sais daí tá bem?

Lá veio ele carregado com o seu memé, trombinhas, chupeta e minion, lá ficamos ali abraçadinhos... sabe tão bem.

É claro que foi por pouco tempo até ele andar aos pulos, a massacrar-me... queimei logo ali umas calorias eheheh

 

Só quero ter mais tempo para ele... mas sozinha é uma grande gerência mas dia para dia estou a recuperar mais um pouco de tempo.

26
Jun17

Momentos que guardo dentro de mim... - página 7

Miss Winter

Desde que decidi desistir do teu pai que tenho pensado muito no nosso tempo. Ontem à noite deu-me para andar a ver fotos tuas de bebé, eras tão gordinho, só com o leite da tua mamã, eras tão lindo, perdão... és muito lindo.

 

Vi fotos tuas e com o teu pai, ele tão feliz... vi videos parece que o tempo tinha parado mas não, ele não está mas continua a estar contigo, tens momentos com ele só vossos e nós temos os nossos.

Para não pairar esta melancolia sempre que preciso de ir ver fotos chegou o momento, vou retirar todas as fotos do teu pai contigo, são as tuas memórias não devo apagar, vou guardá-las num disco externo e se for preciso fazer 2 ou 3 cópias em cd's não vá o diabo lembrar-se de apagar tudo. Tu precisas delas porque nunca te vais lembrar deste tempo, tu nunca te vais lembrar de ver o pai e a mãe juntos a não ser nesta tentativa de reconciliação em que não viste nada para além de vez em quando um abraço... um beijo nos lábios... não foi nada (lá vem a lágrima...) mas tentei meu amor dar-te uma familia mas familia somos NÓS... TU e EU

 

Depois de mais um fds cheia de trabalho pensei tenho que te dar um momento só nosso, ontem estivestes com o pai e foste à piscina, como eu não gosto de piscina vais com o pai, combinado?

 

A mãe vai tomar um banho... onde queres ir?

- A atirar pedras?

- Queres ir à barragem?

- Sim mãe...

 

Peguei na minha Nikon, desde que tenho o telemóvel guardei-a... foi o melhor presente que ele um dia me deu, estávamos casados há 2 anos mais ou menos, no meu aniversário... o ano que fiz o primeiro tratamento de fertilidade... até tirei uma fostos bem lindas no Porto até foram publicadas numa revista através de um site de fotografia que vi nascer... Ele alimentou esta paixão e matou esta paixão... vai aos poucos, tudo vai regressar caramba já lá vão 21 meses de separação...

 

19247633_10208618934262697_8493978271335957779_n.j

19260783_10208618932742659_4062275057198567108_n.j

Sentei-me nas pedras a ver a tua alegria, adoras estar aqui, sabes meu amor também adoro este local, um dia a tua mãe e o teu pai já foram aqui muito felizes, quantas vezes vinhamos para aqui a namorar e até a chorar quando a tua visabó me dizia coisas que me tirava a vontade de tudo...

 

Quando vejo os peixes a saltar... ai que saudades de pescar... sabes amor eu e o teu pai adorávamos pescar, acho que pelo fim já era a única coisa que gostávamos... depois de engravidar nunca mais pesquei.

 

Quando cresceres mais um pouco um dia a mãe ensina-te, compramos uma cana pequena e começamos a pescar os dois.

 

Hoje vou guardar este momento só nosso foi pouco tempo mas foi intenso, ali estivemos a ouvir o silêncio, os pássaros, as pedras a cair na água... só tu e eu... sem telefone a acabar com aquele momento.

 

Se doi recordar? Doi mas agora ficam estas recordações só nossas. Nós somos só um.

 

19399996_10208618933502678_3330026695294879873_n.j

19424216_10208618932822661_1334180116401018760_n.j

19424324_10208618934902713_3187183791062831253_n.j

19248059_10208618935142719_8209249165930618994_n.j

(afinal ainda consigo fazer umas pequenas obras de arte na fotografia)

02
Jun17

O dia da criança - 4ª página

Miss Winter

O dia da criança... um dia feliz pelo meu filho... e um dia triste pela morte da minha mãe.

 

Já me despachei tarde mas ainda fui 15m à festa no infantário, sem vontade mas fui. Passado um pouco diz o meu filho olha o pai... estremeci, não lhe tinha dito nada... ok devia ter dito mas não disse porque estava à espera que ele durante a semana fosse buscar o filho e não o fez, tinha que ser ontem...

 

Lá se mostrou todo sorridente ao pé dos outros mas comigo frio e eu igual...

 

Estava o meu filho a subir o escorrega... vai à volta filho que esse escorrega não adere as sapatilhas... ele: olha o menino que vai cair... Eu: porque não vais tu? Lá tive que ir eu... já me estava a passar.

 

Ele: Levas-o ao meu trabalho?

Porque não o levas já? Já são horas de ir embora.

 

Eu entrei para o infantário a buscar as coisas, de repente aparece ele com má cara: ele não quer ir ficou ali a chorar...

 

E por estar a chorar não o consegues levar? Leva-o tu... e foi-se embora

 

Lá o fui buscar é claro que também chorou comigo, ele estava tão feliz com a festa que não queria ir embora, depois a professora dele e outras pessoas perguntaram o que tinha. E eu contei o que se passou e acrescentei: Depois as mães é que são más porque o pai não obriga e a mãe tem que obrigar depois passa por má.

 

Depois fui entregá-lo e deu-me logo as queixas porque não o avisei dos eventos do filho.

 

Quando o levou como estavam pessoas na rua não quis falar, apenas mandei mensagem a pedir desculpa que tem sido uma semana de caos (e foi) que não fiz por mal... e hoje o dia é complicado como deves saber. Apenas respondeu: tudo bem já passou.

 

Fiz por não merecer mas para não ter mais problemas.

 

Só sei quando cheguei a casa, fiquei durante um tempo no carro e comecei a chorar, pela minha mãe, por ele, por tudo... mas hoje é um novo dia e para recompensar ontem fiz boas vendas.

 

Nestas duas semanas já consegui atingir o objectivo vou ganhar os prémios todos e entrar para o top 1000 de melhores vendedoras.

 

Nem tudo é mau na minha vida :)

 

Mas hoje sinto-me super cansada, tenho que descansar este fds urgentemente.

31
Mai17

O que quero neste momento - 2ª página

Miss Winter

Neste momento quero poucas palavras e mais atitudes... é o que o mundo precisa.

 

Hoje tudo é viral, hoje tudo se critica, hoje cospe-se muito para o ar sem olhar para o espelho.

 

As palavras NUNCA e SEMPRE não existem, deviam ser proibidas de estar no dicionário, o significado não é real.

 

Hoje sinto-me leve, sinto-me feliz porque talvez consegui cortar de vez o cordão umbilical.

 

Hoje olho para o meu filho com uma doçura com tanto amor que até dá medo, é o que fica são os filhos, só aqui a palavra sempre tem o verdadeiro significado, é para sempre.

É bom ouvir daquela boquinha linda... mãe gosto muito de ti... mãe sou teu amigo. Digam lá se não sou especial :)

 

Hoje dedico-me ao meu filho, à casa, às minhas palntas (a tentar recuperá-las), ao meu trabalho e às vendas.

 

Sinto que sou uma mulher de sorte, tenho um filho que é um verdadeiro sonho, finalmente tenho dinheiro para viver sem contar os tostões ao fim do mês, tenho tido muita sorte nas vendas, é bom ouvir do meu grupo sou a que mais vendo, algumas já nem vendem, isto é o meu foco, adoro vender tupperware talvez por gostar dos produtos e ter alguma experiência com eles. Com este dinheiro posso sonhar um pouquinho, não preciso de ter medo do dia de amanhã.

 

Sim sou feliz à minha maneira... hoje sou uma mulher totalmente independente e adoro sentir-me assim.

 

Não tenham medo... há sempre uma solução, iluminem sempre os vossos dias.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D